quinta-feira, agosto 12

Sobre Mentiras e Segredos no 17º Floripa Teatro – Festival Isnard Azevedo se apresenta no dia 11 de setembro



A Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC) recebeu até 29 de janeiro de 2010 inscrições para um dos mais importantes festivais de teatro do Brasil. O 17º Floripa Teatro – Festival Isnard Azevedo. O evento será realizado de 07 a 16 de maio de 2010, abrangendo espetáculos adultos, infanto-juvenis, de rua e animação, sem caráter competitivo, com apresentações gratuitas em espaços oficiais e alternativos em vários pontos da cidade.

Considerado um dos mais importantes festivais de teatro do Brasil, o Floripa Teatro – Festival Isnard Azevedo chega a 17ª edição com uma programação variada. O evento, marcado para o período de 07 a 16 de maio de 2010, vai oferecer espetáculos adultos, infanto-juvenis, de rua e animação, sem caráter competitivo, com apresentações gratuitas em espaços oficiais e alternativos em vários pontos da cidade.

A programação do 17º Floripa Teatro inclui apresentações nos teatros Álvaro de Carvalho, Governador Pedro Ivo e União Beneficente Recreativa Operária (UBRO), e também em locais alternativos (lonas, escolas, praças e centros comunitários).

Em 2009, o Floripa Teatro contou com a participação de 32 grupos de sete estados brasileiros, atraindo cerca de 40 mil espectadores. A grade de programação montada foi a maior da história do festival, totalizando 138 apresentações teatrais em 13 espaços da cidade.

O Festival Isnard Azevedo tem como objetivo apresentar um panorama do teatro brasileiro contemporâneo através de espetáculos com diferentes linguagens. O evento visa ainda fortalecer a troca de experiências entre os participantes, incentivar o aprimoramento profissional e as iniciativas de teatro de grupo, além de apoiar a circulação das companhias teatrais pelo Brasil, contribuindo para a formação de platéias.

Divulgada lista de selecionados para o 17º Floripa Teatro

A Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC) definiu os espetáculos que vão integrar a programação do 17º Floripa Teatro – Festival Isnard Azevedo. Com recorde histórico de inscrições em relação às edições anteriores, a mostra contará com 36 grupos teatrais de oito estados do Brasil, que vão se apresentar na cidade no período de 10 a 19 de setembro. “A ideia é respeitar a geografia do município para levar a linguagem teatral a diferentes comunidades, especialmente aquelas que têm pouco ou nenhum acesso aos teatros”, ressalta o Superintendente Rodolfo Joaquim Pinto da Luz.

O 17º Floripa Teatro recebeu 314 inscrições de companhias de todo o Brasil e também de Portugal e do Uruguai. A seleção dos participantes levou em consideração a relevância artística dos grupos; diversidade de linguagem e originalidade das propostas; excelência artística da obra; e disponibilidade das trupes na programação. Previsto inicialmente para maio, o evento mudou para setembro a fim de viabilizar o aporte financeiro de patrocínios privados e garantir os prazos licitatórios necessários à infraestutura do festival.

Ao todo, foram selecionadas 16 peças teatrais adultas e quatro infantis, além de três espetáculos de animação, três para lona e 10 propostas para teatro de rua, categorias que também oferecem atrações para as crianças. Os participantes terão à disposição os palcos dos teatros Álvaro de Carvalho, Governador Pedro Ivo e União Beneficente Recreativa Operária (UBRO), além de lonas e espaços alternativos em diferentes regiões da cidade.

Na programação do 17º Festival Isnard Azevedo destacam-se com maior número de grupos participantes os estados de São Paulo (14), Santa Catarina (7) e Rio de Janeiro (6). Na sequência vem o Rio Grande do Sul (3), seguido do Paraná (2), Goiás (2), Mato Grosso do Sul (1) e Rio Grande do Norte (1). “A qualidade dos trabalhos propostos é tão boa que poderíamos fazer outro festival de altíssimo nível somente com os espetáculos que ficaram na suplência”, comemora Sulanger Bavaresco, coordenadora geral do evento.

Espetáculos selecionados

São Paulo

*A fabulosa viagem de Duda e Lola em busca da irmã perdida ou... Cadê Kika?
(Caixa de Histórias / São dos Campos –SP)
*Ana-me (Teatro de Senhoritas / São Paulo–SP)
* As Troianas – vozes de guerra (Núcleo Experimental / São Paulo–SP)
* Borboletas de sol de asas magoadas (Evelyn Ligocki / São Paulo–SP)
* De onde vem o verão (Núcleo de Estética Teatral Popular / São Paulo–SP)
* Deus no divã (Produtora Porto Nikolic / São Paulo–SP)
* Histórias de chuva (Teatro da Gioconda / São Paulo–SP)
* Histórias de chuva – gênese (Teatro da Gioconda / São Paulo–SP)
* Números (Os Geraldos / Campinas–SP)
* Om co tô? Quem co sô? Prom co vô? (Circo Navegador / São Sebastião–SP)
* Porongo Vaudeville (The Pampazos Bros / São Paulo–SP)
* Sintoma (Cia Silvana Abreu / São Paulo–SP)
* Réquiem (Teatro Cia Lazzo / São Paulo–SP)
*Música para brincadeira de roda (Travessia Cultural / Jacareí–SP)

Santa Catarina

* Amor por Anexins (Dionisios Teatro / Joinville–SC)
* A ponto de partir (Dearaque Companhia de Experimentos Artísticos / Fpolis–SC)
* Bom apetite (Cia Pé de Vento Teatro / Fpolis–SC)
* O grande invento - Carrocinha Cultural (Turma do Papum / Fpolis–SC)
* Caminho da roça (Trupe Popular Parrua / Fpolis–SC)
* Seo Maneca (Geraldo Cunha / Fpolis–SC)
* Só serei flor quando tu flores (Cia Cênica Espiral / São José–SC)

Rio de Janeiro

* O Santo Inquérito (JR Mac Niven Produções / Rio de Janeiro–RJ)
*Os fabulosos (Grupo Os Fabulosos / Rio de Janeiro–RJ)
*Sobre mentiras e segredos (Os Ciclomáticos Companhia de Teatro / RJ–RJ)
* Café Pequeno da Silva e Psiu (Grupo Off-Sina / Rio de Janeiro–RJ)
* Mau humor (O Grelo Falante / Rio de Janeiro–RJ)
* Carroça dos sonhos (Creche na Coxia / Cabo Frio–RJ)

Rio Grande do Sul

* O avarento (Grupo Farsa / Porto Alegre–RS)
* O dilema do paciente ( Grupo Teatral Manjericão / Porto Alegre–RS)
* A salamanca do jarau (Cia de Teatro Lumbra-Clube da Sombra / POA–RS)

Paraná

* Arlequim príncipe
(Arte da Comédia – Associação Artística Cultural Pedagógica / Curitiba–PR)
* Estórias brincantes de muitas mainhas (Cia do Abração / Curitiba–PR)

Goiás

* Balada de um palhaço (Grupo de Teatro Arte &Fatos / Goiânia–GO)
*O cabra que matou as cabras (Cia Teatro Nu Escuro / Goiânia–GO)

Mato Grosso do Sul

* Encruzilhada – o último cabaré
(Circo do Mato – Grupo de Artes Cênicas / Campo Grande–MS)

Rio Grande do Norte

* A peleja do amor no coração de Severino do Mossoró
(O Pessoal do Tarará / Mossoró–RN)

Nenhum comentário: