quinta-feira, fevereiro 21

Notícias do Rio III

VEJA Rio


PeÇas

Home > PEÇAS > Mostra Norte de Teatro

Mostra Norte de Teatro


Gênero: Comédia
Mais informações: Cia. Atores de Laura, dirigida por Susanna Kruger e Daniel Herz

Resenha de VEJA Rio

Para comemorar 15 anos de existência, a Cia. Atores de Laura, dirigida por Susanna Kruger e Daniel Herz, convida outros grupos para interpretar duas peças de seu repertório. Para começar, a companhia Os Ciclomáticos apresenta as comédias Super Coffin ou Sonho de Uma Noite de Velório (livre), sobre a comemoração de 25 anos de uma funerária, e Sobre Mentiras e Segredos (16 anos), em que uma jovem de 14 anos descobre que vai ser mãe. A mostra conta ainda com oficinas de teatro e debates.

Teatro Miguel Falabella

Horário: Quarta. Super Coffin ou Sonho de uma Noite de Velório, 18h; Sobre Mentiras e Segredos, 20h. Até 5 de março

Notícias do Rio II

TEATRO: ESPECIAL

Mostra Norte de Teatro

Cias de teatro abrem temporada em módulos até outubro deste ano





Editorial

O Teatro Miguel Falabella abriga a Mostra Norte de Teatro, uma maratona de espetáculos apresentados por várias companhias integrantes da Associação de Grupos e Cias. de Teatro do Rio de Janeiro. A partir de 13 de fevereiro até outubro de 2008, o público encontra programação a preços populares sempre às terças e quartas.

Durante esse período são exibidos três módulos, cada um com três companhias que apresentarão duas peças de seus repertórios. Além disso, serão realizadas oficinas de teatro gratuitas para os alunos do Teatro Miguel Falabella e debates após as sessões. Veja a programação abaixo.

Módulo 1
Cia. Atores de Laura apresenta Ensaios de Mulheres
13 de fevereiro, 20h

Cia. Os Ciclomáticos apresenta Super Coffin ou Sonho de uma noite de velório e Sobre Mentiras e Segredos
20, 26 e 27 de fevereiro/ 4 e 5 de março, 18h e 20h

Notícias do Rio






Mostra Norte de Teatro e Mostra Norte de Música

A Atores de Laura, companhia de teatro dirigida por Susanna Kruger e Daniel Herz, é uma exceção no Brasil. Após conquistar uma sede - uma das metas mais importantes de uma companhia de teatro estável - há oito anos, o Teatro Miguel Falabella – NorteShopping, resolveu conquistar a essência do teatro e da música, o público.

Como comemorar os 15 anos de atividade, que serão completados em 2008? A resposta foi rápida: Mostra Norte de Teatro. No lugar de um novo espetáculo (a cia está em cartaz com a elogiada Ensaios de Mulheres), partiram para uma solução tão peculiar quanto generosa. Abriu seu espaço para grupos que não tiveram em sua trajetória a mesma oportunidade, a de contar com um teatro, seja para apresentar regularmente seu repertório, ensaiar ou criar oficinas, enfim, dar corpo físico às atividades pensadas.

“É a retomada da ação inicial do projeto de ocupação artística do Teatro Miguel Falabella, e também da essência da própria companhia: a formação de público. Nada melhor do que apresentar o trabalho de quem vive teatro 24 horas por dia e daqueles que escolheram a música clássica como meio de vida”, completa Susanna.

Assim, durante dez meses, a partir do dia 13 de fevereiro, um intercâmbio estético entre os diversos modos de trabalho daqueles que integram a Associação de Grupos e Cias. de Teatro do Rio de Janeiro poderá ser assistido, a preços poulares(R$ 5,00). Os grupos irão ocupar as terças e quartas-feiras. São três módulos, de fevereiro a outubro, cada qual com três companhias que apresentarão duas peças de seus repertórios simultaneamente, darão oficinas de teatro gratuitas para os alunos do Teatro Miguel Falabella (o público pode se inscrever como ouvinte) e estimularão os debates, após as sessões. Fechando cada módulo, companhias mais experientes promoverão mesas redondas.

A Mostra Norte de Teatro deu filhote. Para formar entre o público da Zona Norte o gosto pela música clássica, foi pautada também uma mostra de música de câmera. Uma vez por mês, sob a direção artística do maestro Wendell Kettle, quem quiser descobrir os segredos da música clássica vai contar com concertos bem didáticos, a preços populares. Nasceu assim a Mostra Norte de Música.
“O mais importante ainda é o público e é em sua direção que o teatro deve se voltar. Sem ele nosso ofício perde sua razão de existir”, finaliza a diretora artística.

Módulo 1 (fevereiro, março, abril)
Abertura: 13 de fevereiro, 20 h, grátis (retirada de senhas 1h antes)
Espetáculo “Ensaios de Mulheres“, da Atores de Laura
Performance musical do Quarteto Mania de Sax

. Primeira Cia
OS CICLOMÁTICOS
20, 26 e 27 de fevereiro/ 4 e 5 de março
Oficina –11 de março, terça-feira (inscrições gratuitas, no teatro)

Música
QUINTESSÊNCIA - 12 de março, quarta-feira, 19 h

. Segunda Cia
TROPEL
19, 25 e 26 de março/ 1º e 2 de abril
Oficina – 8 de abril, terça-feira (inscrições gratuitas, no teatro)

Música
MANIA de SAX – 9 de abril quarta-feira, 19 h

. Terceira Cia
SARÇA DE HOREB
16, 22 e 23/ 29 e 30 de abril
Oficina – terça-feira, 6 de maio (inscrições gratuitas, no teatro)

. MESA REDONDA ENTRE AS TRÊS PRIMEIRAS CIAS(Grátis).
7 de maio, quarta-feira, 20 h. Mediadores: Cia. Dos Atores

OS CICLOMÁTICOS

Os Ciclomáticos Cia. de Teatro completa 12 anos em 2008 e é formado por profissionais de diversas áreas do fazer teatral como atores, diretores, dramaturgos, cenógrafos, figurinistas, iluminadores e maquiadores.

SUPER COFFIN ou SONHO DE UMA NOITE DE VELÓRIO(18 h)
Classificação livre
“Benvindo Funerária” está para completar 25 anos de atuação no país e o proprietário resolve fazer uma campanha promocional em comemoração ao cliente 50 mil que está para alcançar. A campanha é um desastre! Texto: Odir Ramos da Costa, Direção: Renato Neves.

SOBRE MENTIRAS E SEGREDOS (20h)
Classificação 16 anos
Alice, com seus 14 anos, vai ao ginecologista por ordem do pai. Uma tragédia: Ela vai ser mãe! Uma comédia baseada em um estudo sobre o universo de Nelson Rodrigues, com mais de 50 prêmios em todo o Brasil. Texto e Direção: Ribamar Ribeiro.

Oficina - A Construção do Ator
Participantes: no máximo 30
Público alvo: a partir de 16 anos
Consiste num exercício de interpretação onde os participantes deverão se entregar à força física, permitindo assim a liberdade na atuação, chegando ao desenvolvimento básico da musculatura e dos sentimentos. Ministrante: Ribamar Ribeiro: escritor, ator, diretor artístico de Os Ciclomáticos Cia. de Teatro. Possui mais de 30 prêmios em Festivais de todo o Brasil.

Uberlândia

A vida alheia sempre rende um papo
"Sobre Mentiras e Segredos", com Os Ciclomáticos, está no Rondon Pacheco
Repórter
Atualizada: 13/02/2008 - 20h07min


Quem nunca guardou um segredo a sete chaves, não mentiu nem reprimiu um desejo ou até mesmo não se meteu na vida alheia, sem ao menos se dar conta do próprio umbigo? Nem é preciso assumir. Basta assistir à peça "Sobre Mentiras e Segredos" do grupo carioca Os Ciclomáticos, às 20h, no
Teatro Rondon Pacheco e provavelmente chegará até o fim da história pensando um pouco mais sobre o assunto, se é que a carapuça serviu.


A comédia, baseada em um estudo sobre o universo de Nelson Rodrigues, mas com uma nova roupagem, será o espetáculo deste segundo dia da Mostra Nacional de Teatro de Uberlândia — 4ª edição — patrocinada pelo CORREIO de Uberlândia.
Apesar de nunca terem vindo aqui, o diretor da peça, Ribamar Ribeiro, e os atores já estão antenados sobre algumas particulares da cidade que serão tratadas na apresentação, um suspense para logo mais. “Estamos ansiosos para conhecer Uberlândia, mas já ouvimos falar algumas coisinhas”, brinca. “Ficamos muito felizes em ser selecionados para esta Mostra que tem o grupo Galpão, eles são maravilhosos”, comemora Ribamar. O diretor, além de ter se inteirado sobre o cotidiano da cidade, mencionou sobre o trabalho do colega, o ator e diretor Jorge Farjalla, que foi professor da Universidade Federal de Uberlândia (MG) e hoje coincidentemente trabalha Nelson Rodrigues em uma peça no Rio de Janeiro.

Há pouco mais de um ano em cartaz, “Sobre Mentiras e Segredos” já foi apresentada em festivais de teatro do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Paraná, Minas Gerais, Goiás e em várias cidades do interior de São Paulo. Assistido por aproximadamente 10 mil pessoas. Com a montagem, o grupo já colecionou 55 prêmios, sobretudo em categorias como melhor texto, direção e espetáculo. Na próxima semana será a reestréia da peça no Teatro Miguel Falabella, no Rio de Janeiro, onde tudo começou. Neste ano, eles também estão de viagem marcada para Portugal, onde a peça de hoje será levada para nossos colonizadores, que provavelmente foram os pioneiros em matéria de fofoca no Brasil. “Todo mundo acaba se vendo um pouco nessas apresentações”, analisa o diretor, que foi criado no subúrbio carioca, no bairro da Tijuca, onde, de acordo com ele, o hábito do “diz-que-diz-que” é bastante comum.

Trama

Produzida para comemorar os 10 anos de fundação do grupo Os Ciclomáticos, a peça narra a história da adolescente Alice, mais nova de seis irmãs. Em visita ao ginecologista, ela se descobre grávida aos 14 anos.

A gravidez da jovem instaura o caos na família e o falatório na vizinhança. A situação acaba trazendo à tona segredos e mentiras que permeiam os relacionamentos entre pais e filhos. O grande suspense da narrativa, segundo o diretor Ribamar Ribeiro, é descobrir quem é o pai do filho de Alice.

Além de refletir sobre a gravidez na adolescência, o texto leva à discussão sobre comportamento, casais que não conhecem a si mesmos e pessoas que desconhecem seus próprios impulsos. Ribamar Ribeiro escreveu a peça a partir do conto “A Mentira”, de Nelson Rodrigues. Inseriu personagens característicos das obras do autor de “Vestido de Noiva” e “Senhora dos Afogados”, como é o caso da ninfeta Alice, os cunhados, os vizinhos fofoqueiros e os pais atordoados. “Não quis usar apenas o lado dramático de Nelson, preferi o deboche, o humor sarcástico, a possibilidade de as pessoas verem e pensarem ‘será que posso rir disso’? Não quis nada que já foi televisionado, mas algo mais moderno”, explica.

Leques

A história desenvolve-se em meio a sons de violinos e bater de leques. Isso mesmo. Os leques se transformarão em instrumentos musicais nas mãos de todo o elenco, além de ser um sinal de que o personagem se transforma em outro durante a apresentação. “Os leques, além de marcar o tempo na comédia, são usados para apagar o fogo proibido dos personagens. Lembra também os morcegos, a língua humana, o ato de sugar. Tudo que lembre fofoca e o que é proibido”, explica o diretor.

Todos, com exceção do pai de Alice, usam saias, independente de serem homens ou mulheres. Já que o elenco, menos Alice e seus pais, se transformam em vizinhas fofoqueiras no decorrer da apresentação.

Outro fato interessante é que os nomes dos personagens são homônimos de parentes dos atores da peça, já que a pesquisa para montagem do espetáculo foi feita em cima de fotos de família. “Toda família tem problema, mas em foto está todo mundo rindo. Aí ficamos tentando desvendar os olhares, a postura e assim descobrir o que estava escondido em cada imagem”, finaliza Ribamar.

Foto:Divulgação
Grupo Os Ciclomáticos Cia. de Teatro

Ficha técnica

Grupo: Os Ciclomáticos Cia. de Teatro (RJ)
Texto e direção: Ribamar Ribeiro
Elenco: Renato Neves, Juliana Santos, Fabíola Rodrigues, Alana Lial, Carla Meirelles, Fernando Alves, Fernando Kleis, Getulio Nascimento, Gisele Flor, Júlio Cesar Ferreira, Malu Saldanha, Mauro Carvalho e Nívea Nascimento
Duração: 1h30
Classificação etária: 16 anos.

Serviço: a peça “Sobre Mentiras e Segredos”, do grupo Os Ciclomáticos Cia. de Teatro, será encenado hoje, em única apresentação, às 20h, no Teatro Rondon Pacheco (rua Santos Dumont, 517). Ingressos à venda no teatro a partir das 16h. Valores: R$ 5 (R$ 2,50 – meia-entrada). Doe um litro de leite e pague meia-entrada. Confira toda a programação da Mostra no site www.correiodeuberlandia.com.br

quarta-feira, fevereiro 6

Mostra Nacional de Teatro de Uberlândia - 4ª Edição


Os Ciclomáticos Companhia de Teatro se apresentará no dia 14 de fevereiro, às 2ohs.

Novamente em Minas Gerais!

Mostra Nacional de Teatro 4ª edição SESC/ATU

Associação de Teatro de Uberlândia (ATU) e SESC-MG Unidade de Serviço Uberlândia realizam a 4ª edição da Mostra Nacional de Teatro, que acontecerá de 13 a 19 de Fevereiro de 2008, com mostra de espetáculos, debates, encontros e atividades complementares. Com o objetivo contínuo de formação de público e intercâmbio entre artistas, a Mostra tem caráter não-competitivo e busca a valorização da diversidade de linguagens teatrais. Para os profissionais de artes cênicas, esperamos que os debates e oficinas, sirvam de motivação para o desenvolvimento e aprimoramento do fazer teatral. Para a cultura da cidade objetivamos contribuir com um projeto de extensão e continuidade.A ATU é uma entidade de utilidade pública sem fins lucrativos, fundada em 1981, que vem incentivando a prática do teatro por meio de cursos, exposições, workshops, seminários, palestras, mostras e cessão de espaço para ensaios e apresentações de espetáculos.

Histórico

De 2001 a 2003, a ATU produziu em conjunto com a Secretaria Municipal de Cultura a "Mostra de Teatro de Uberlândia", onde os Grupos locais mostravam seus trabalhos desenvolvidos. Desde essa época a ATU vem analisando, junto à classe associada, a abrangência e utilidade desse evento. Em 2004 surgi necessidade de inovar e mostrar, discutir, analisar e debater o teatro produzido dentro e fora de Uberlândia, ampliando assim os horizontes, tanto pela qualificação profissional, quanto pela promoção e valorização dos artistas envolvidos. Neste intuito buscou a parceria com o SESC-MG - Unidade Uberlândia, que compactuou com este desejo e juntos realizaram a Mostra Nacional de Teatro - SESC-ATU/2004 que apesar de seu inicio modesto e com poucos recursos foi bem sucedida na maioria de seus objetivos. Em 2005 o sucesso se repetiu, e os números dobraram em comparação a 2004. Em 2006 a Mostra Nacional de Teatro teve grande repercussão na mídia local, envolvendo o público da cidade e região.


Selecionados e Convidados para Mostra Nacional de Teatro SESC/ATU 4ª Edição

A programação da Mostra Nacional de Teatro Uberlândia 4ª Edição SESC/ATU teve o patrocínio do Jornal Correio de Uberlândia, coincidindo com os 70 anos deste veículo. Ao total oito espetáculos serão apresentados; sendo três convidados e cinco selecionados.


Espetáculos Convidados:

“Um Homem é Um Homem”: Grupo Galpão / Belo Horizonte – MG.
“OVO”: Grupo Udi Grudi / Brasília – DF.
“O Cano”: Grupo Udi Grudi / Brasília – DF.

Espetáculos Selecionados:
“Sobre Mentiras e Segredos”: Grupo Os Ciclomáticos Cia de Teatro / Rio de Janeiro – RJ.
“Contas Diárias”: Grupo Cia do Ator Cômico / Curitiba – PR.
“O Trenzinho Caipira”: Cia do Abração /Curitiba – PR.
“Um Ratinho e a Lua”: Grupo Cia. Rafael Curci / Campinas – SP.

Uberlândia Mostra

Com o patrocínio remanescente da Usina Alvorada ao projeto Mostra Nacional de Teatro SESC/ATU 2006 e apoio do Jornal Correio de Uberlândia, o evento Uberlândia Mostra possibilitou que os grupos de Uberlândia, também apresentem seus espetáculos ao público. Foram selecionados cinco espetáculos da cidade e teremos a apresentação de um grupo convidado da cidade de Goiânia – GO. São eles:


Selecionados:

“Cômoda – Como Dividir Uma Cômoda de Cinco Gavetas numa separação”: Grupo Bando Grito / Uberlândia - MG.
“Veludinho” – Grupo Palcos e Quintais / Uberlândia –MG.
“Nunca Mais” – Grupo Diferente / Uberlândia - MG.
“Manual de Mim” – Sociedade da Cena / Uberlândia - MG.
“Ali Babá e os 40 Ladrões” – Trupe de Truões / Uberlândia - MG.

Convidado:

“Das Saborosas Aventuras de Dom Quixote de La Mancha e Seu Escudeiro Sancho Pança – Um Capítulo Que Poderia Ter Sido”: Grupo Teatro Que Roda / Goiânia – GO.