sábado, novembro 17

Reflexos da Premiação do FENATA


.

.
www.diariodamanha.com.br/071115/GERAL2.HTM

"Os Ciclomáticos" Cia. de Teatro carioca conquista 14 prêmios em duas categorias

A companhia de teatro carioca não somente levantou a premiação outorgada pelo júri popular, mas também obteve indicação entre as três maiores médias, ao lado de outras duas montagens

"Sobre Mentiras & Segredos", uma comédia livremente inspirada no universo de Nelson Rodrigues, entra para a história do Festival Nacional de Teatro (Fenata), em sua 35ª edição, arrebatando a premiação de ‘melhor espetáculo do ano’ e mais sete prêmios na categoria ‘adulto’, em solenidade de entrega de prêmios e encerramento do evento, na terça-feira, no Cine-Teatro Ópera. A montagem da trupe "Os Ciclomáticos Cia. de Teatro" ultrapassa a façanha antes conquistada pelo grupo pernambucano ‘Folguedo de Arte Popular’ (Caruaru), que conquistou sete prêmios com o espetáculo ‘O Auto das Sete Luas de Barro’, há quase 30 anos (7º Fenata / 1979).

Com uma peça de humor ácido, cruel e sarcástico, escrita e dirigida por Ribamar Ribeiro, a companhia de teatro carioca ‘Os Ciclomáticos’ somente não levantou a premiação outorgada pelo júri popular, mas também obteve indicação entre as três maiores médias, ao lado de outras duas montagens indicadas pelo público: "Balada de um Palhaço" (Grupo de Teatro Arte & Fatos – Goiânia-GO) e "Sobre Anjos & Grilos – O Universo de Mário Quintana", espetáculo da "Companhia de Solos & Bem Acompanhados" (Porto Alegre-RS), que recebeu o prêmio "Paulo Autran" como a ‘melhor peça ’ pela platéia do festival.

Crianças & Rua

Além da premiação como ‘melhor espetáculo adulto’, que também teve mais duas peças indicadas (Balada de um Palhaço e Sobre Anjos & Grilos), ‘Os Ciclomáticos’ concorreram ainda na mostra competitiva ‘para crianças’, levantando cinco prêmios com a montagem "Antes que o Galo Cante" (melhor figurinista (André Vital), iluminador (Mauro Carvalho), cenógrafo (Cachalote Mattos), sonoplastia (Fernando Alves, Ribamar Ribeiro e Carla Meirelles) e melhor ator coadjuvante para Júlio César Ferreira). Para consagrar em definitivo a performance da trupe carioca, o júri oficial do ‘35º Fenata’ resolveu outorgar ‘prêmio especial’ para o elenco da peça ‘Sobre Mentiras & Segredos’ pelo conjunto de interpretações, completando a décima quarta premiação conquistada pelo grupo.

Na mostra ‘para crianças’, entretanto, a comissão julgadora do festival premiou como ‘melhor espetáculo’ "Os Dois Cumpadi", peça encenada pelo "Grupo Teatral da Escola Estadual Professora Maria Ângela Batista Dias" (Paraguaçu Paulista), cuja categoria teve apenas mais uma indicação: "Sonhos de Palhaços", montagem apresentada pelo grupo "Os Pregadores do Riso", de Araçatuba (SP). Do elenco paulista de Paraguaçu, Emanuel Atanázio de Souza recebeu prêmio especial do júri como ‘ator revelação’ pelo seu trabalho em ‘Os Dois Cumpadi’.

Os curitibanos do grupo "A Arte da Comédia – Comédia Dell’ACT" venceram a mostra competitiva na categoria ‘espetáculos de rua’, apresentando-se com a montagem "Aconteceu no Brasil – Enquanto o ônibus não vem", criação coletiva dirigida por Roberto Innocente. Com três espetáculos concorrentes, a categoria teve também indicação para a peça "Amor por Anexins", com encenação pelo grupo "Cirquinho do Revirado", procedente de Criciúma (SC).

Em seu 35º ano de realização, a curadoria do festival, representada pelo diretor de teatro e produtor cultural Antonio do Valle, e a comissão julgadora do evento, composta por Emerson Rechenberg, Leandro de Assis e Silvestre Ferreira, resolveram criar três prêmios especiais: um na categoria ‘para crianças’ (ator revelação / veja nesta matéria) e dois na categoria ‘adulto’: um para Gilda Vandenbrande pela direção musical da peça "João Pacífico – O Poeta do Sertão" (Grupo de Teatro Pingo d’Água, de Cordeirópolis-SP) e outro pelo conjunto de interpretações (confira também nesta matéria). Outro prêmio especial do júri foi instituído como "troféu de honra ao mérito" à Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) pela realização das 35 edições ininterruptas do ‘Fenata’.

Um comentário:

Maria Paola disse...

Matéria ótima!!!
beijos!